A administração dos animais sociais

 

 

 “Julgamos conhecê-las e não perguntamos mais nada. Vemo-las voar de flor em flor; observamos o vai e vem fremente da colméia; aquela existência parece-nos muito simples, e limitada como as outras aos cuidados instintivos da alimentação e reprodução. Mas, aproxime-se a observação, e se verá assombrosa complexidade dos fenômenos mais naturais, o enigma da inteligência, da vontade, dos destinos, do alvo, dos meios e das causas, a organização incompreensível do mais simples ato de vida” (MAETERLINCK, 2002 – escrito em 1918).

 

Quando comecei a estudar o comportamento dos animais que vivem em sociedade algumas questões naturalmente se evidenciaram. Será que o mundo animal pode explicar a natureza humana? Podemos transformar uma experiência de milhões de anos em uma metodologia que nos leve a produzir mais e com eficiência maior? Podemos criar ligações com seu dia-a-dia e dissertar sobre nossos próprios meios de produção e operação?

Como não tinha alternativa, pois o estímulo da descoberta tinha deixado sua semente, decidi começar a estudar e a questionar. Comecei pelo fascinante mundo das abelhas. O objetivo não é fazer um tratado de apicultura, e sim um estudo dos conceitos e técnicas que as levam às mais diferentes tomadas de decisão.

Este espaço é destinado aqueles curiosos que, como eu, gostam de possuir diversas visões sobre a vida.

Analogias (Breve)

Histórias e Observações

Quem é o cliente?

Primeiras impressões - 11/10/2004

A capacidade de produção de uma colméia.

 

Onde morar? (localização de instalações)

 

O ciclo de vida dos produtos.

 

Qual o tipo de arranjo físico utilizado dentro de uma colméia?

 

A força de trabalho e suas características.

 

Existe previsão de demanda?

 

Planejamento agregado é invenção de ser humano?

 

Como as abelhas se programam e controlam a produção.

 

O projeto colméia.

 

controle de estoques (mel, pólen e crias).

 

O sistema MRP funciona em uma colméia?

 

Existe um controle estatístico da qualidade?

 

Quais as medidas de produtividade das abelhas?

 

voltar